terça-feira, 30 de agosto de 2016

O Papel do Cristão no Mundo – Capítulo 4 – O Evangelho de Jesus na vida do Cristão



                                                      
                                          

Por: Leonardo Morais

Introdução
Nada mais importante para uma alma, do que Evangelho do Senhor Jesus Cristo em sua vida. Ao longo dos tempos, muitos reis, imperadores, sacerdotes, e sistemas políticos tentaram de diversas maneiras e jeitos, destruir a fé dos seguidores de nosso Senhor Jesus Cristo, mas o Senhor Jesus, mediante a sua benevolência e graça, nos firma em sua presença e maravilhosamente conduz a sua igreja rumo ao seu encontro nos céus. Neste último capítulo deste estudo mensal, enfatizaremos o estudo sobre o Evangelho tanto aos judeus e gentios, e trajetória do Evangelho de Jerusalém até aos confins da terra. Querido amigo, querida amiga que nos acompanha, que este ensino não apenas venha ser didático, mas específico, vital, e que penetre em sua vida, com o ardor evangelístico.

I. O Evangelho desde o Pentecostes até aos Gentios
Depois da Ascensão do Senhor Jesus, a descida do Espírito Santo de forma única aos que estavam reunidos no Cenáculo, e à partir daquele momento, o Evangelho começou à ser anunciado conforme as Palavras do Senhor Jesus: ´´ Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra (At 1.8) ``. À partir daquele momento dá o início a maior missão que jamais houvesse antes, nem depois haverá

II. O Efeito do Evangelho no Oriente
O efeito no oriente foi de imediato. Logo quando Pedro ministrou o primeiro sermão, quase 3.000 almas agregaram-se ao rebanho de Cristo, e mais tarde, depois da ação do Espírito Santo ao ministério Apostólico, 5.000 almas mais se adentraram ao Corpo de Cristo. É a Igreja que avança, na Palavra, na oração e na comunhão. Voltemos aos feitos da Igreja Primitiva.

III. O Evangelho Rumo ao Ocidente
Em Atos 16, temos o relato que Paulo queria partir para o Oriente, especificamente na Região da Mísia (At 16.7) o Espírito Santo não o permitiu, mas recomendou-lhe ir para o Ocidente, onde desce em Trôade, indo para a região da Macedônia, ou seja já encaminhando o Evangelho para o outro lado do Globo Terrestre. Em nossa vida, o Evangelho deve ser abrangente, não somente focar em terra alheia, mas ir em partes aonde o Evangelho não foi pregado. Há muitas casas, muitas famílias, muitas pessoas que desconhecem o verdadeiro Evangelho. É nosso dever evangeliza-las e levá-las à Cristo, pois eles que necessitam de Cristo, que ´´ vem aos doentes na alma, na sociedade e na família``.

IV. O Evangelho no Brasil
O movimento reformista do século XVI se alastrou por todo o mundo, dando vazão ao desejo do povo por liberdade religiosa: Alemanha, Escócia, Dinamarca, Suíça, França, Noruega... E chegou ao Brasil em 1557, quando fora celebrado o primeiro culto protestante. Este primeiro culto evangélico em solo brasileiro foi celebrado no dia 10 de março de 1557, por protestantes franceses. Eles chegaram à Baía de Guanabara, fugindo da perseguição em seu país, e à procura de uma nova pátria. O pregador baseou-se no Salmo 27:4: “Ao Deus Eterno peço somente uma coisa: que Ele me deixe viver na Sua casa todos os dias da minha vida, para sentir a Sua bondade e pedir a Sua orientação”. O culto foi dirigido pelo pastor Pierre Richier - (Fonte: http:// textosdareforma.net).  Missionários franceses enfrentaram oposições, torturas, e muitos foram mortos por não negarem à fé. E á partir daquele momento de início à Evangelização no Brasil, o Evangelho do Senhor Jesus cresce para a Honra e a Glória D´ele.

Conclusão
O Papel do Cristão no Mundo é levar o Evangelho de Cristo à todos quanto puderem. Auxiliar os enfermos, ajudar os necessitados, animar o abatido, restaurar o ânimo ao que está cansado, orar, pregar, vigiar e se encher do Santo Espírito de Deus, para que o nome do Senhor sempre possas ser exaltado.