sábado, 8 de julho de 2017

A Necessidade de um Regresso às Origens



Vivemos em um período aonde o conceito de fé a respeito da criação dos céus e da terra tem sido atacado constantemente por adeptos da base bíblica de que o Senhor Deus criou todas as coisas. Um período atual aonde o crescimento do ateísmo e das dúvidas estão aflorando constantemente em nosso meio através de debates acirrados, ideologias variadas e constantes efeitos científicos que tentam de todas as formas negar o criacionismo bíblico (Gn 1.1; Hb 11.3). É sempre importante estarmos firmados e enraizados na fé e no conhecimento que há no Senhor Jesus Cristo. Não estou dizendo aqui que há ciência está contra o criacionismo. Há muitos cientistas que dignamente defendem firmemente que o Senhor criou todas as coisas e há ciência ao longo dos tempos tem mostrado isso de forma veemente. É um período que precisamos enfatizar, mais do que a criação, de que o Senhor é soberano e sempre faz o que lhe apraz (Sl 119; Jó 42.1,2; Is 42.8). A mídia, a internet, e os mais variados veículos de informação tem de forma extrema atacado o conceito de fé, enfatizando o liberalismo e o ecumenismo. Pontos perigosos para aqueles que afirmam sua fé no Senhor Jesus Cristo, e que devem afirmar que Deus é o único Senhor (Dt 6.4). Não há outros deuses. O politeísmo é fruto da mente humana, e ideologias errôneas e perigosas. É o momento propício e oportuno de regressarmos as raízes da nossa fé genuína no Senhor e glorificarmos o Seu santo nome. E enfatizarmos a nossa fé, como o Senhor Jesus Cristo afirmou as raízes da fé no Senhor em respeito a criação e ao casamento:

Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio macho e fêmea os fez; E disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem (Mateus 19:4-6).

Assim como o Senhor Jesus Cristo afirmou a sua fé para com os fariseus, devemos afirmar a nossa fé para com o mundo, dizendo que só há um Senhor, uma só base para o mundo, uma só base para a nossa existência:

Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente (Hebreus 11.3).